BREAKING NEWS

Como é a depressão em uma pessoa Asperger?

Foto: Reprodução

Como é a depressão em uma pessoa Asperger?.

 

Hoje vamos falar sobre a depressão que é um dos maiores problemas que uma pessoa que carregue a Síndrome de Asperger em sua vida pode vir a apresentar.

A depressão é uma doença silenciosa e muito perigosa para quem a possui geralmente pessoas depressivas se sentem com uma baixa estima muito grande e perdem ate mesmo a vontade de seguir vivendo.

Este ultimo ponto citado acima é o mais perigoso para uma pessoa que esteja sofrendo de depressão.

Em pessoas que tenham a Síndrome de Asperger que nos dias atuais é definida apenas como sendo o grau mais leve dos Transtornos do Espectro do Autismo (TEA).

A depressão tende a aparecer devido a grande dificuldade que estes indivíduos tem em se relacionar com outras pessoas, visto que a interação social é a maior deficiência provinda desta Síndrome.

Por conta  desta dificuldade  de conseguirem realizar novas amizades, ou ainda por não encontrarem um par romântico em suas vidas, estas pessoas vão ficando cada dia mais deprimidas e vão perdendo interesses em quase tudo.

Até mesmo em seus hiperfocos e na sua necessidade de se ter uma rotina. Quando estes dois pontos citados ocorrem, quem estiver por perto do Asperger precisa leva-lo para buscar ajuda o quanto antes.

A depressão é um assunto muito serio e seu diagnostico precoce é seu melhor remédio.

Uma pesquisa feita na Europa aponta que ao menos 70% dos jovens adultos que tenham a Síndrome de Asperger já sofreram ou sofrem com algum dos sintomas vindos da depressão.

O mais difícil nisso tudo é que em um Asperger a depressão não é facilmente notada, isso porque esses indivíduos tem formas diferentes de mostrarem que estão deprimidos.

Somente alguém que convive 24 horas com essa pessoa é que saberá o momento onde pedir ajuda para que o Asperger se trate contra os sintomas da depressão.

Quem tem um membro que seja Asperger em sua família, ou ainda você mesmo tenha a síndrome e apresente algum dos sintomas listados abaixo, busque ajuda de um psicólogo o quanto antes!.

Sintomas da depressão:

  • Humor depressivo ou irritabilidade, ansiedade e angústia
  • Desânimo, cansaço fácil, necessidade de maior esforço para fazer as coisas
  • Diminuição ou incapacidade de sentir alegria e prazer em atividades anteriormente consideradas agradáveis
  • Desinteresse, falta de motivação e apatia
  • Falta de vontade e indecisão
  • Sentimentos de medo, insegurança, desesperança, desespero, desamparo e vazio
  • Pessimismo, ideias frequentes e desproporcionais de culpa, baixa autoestima, sensação de falta de sentido na vida, inutilidade, ruína, fracasso, doença ou morte.
  • A pessoa pode desejar morrer, planejar uma forma de morrer ou tentar suicídio
  • Interpretação distorcida e negativa da realidade: tudo é visto sob a ótica depressiva, um tom “cinzento” para si, os outros e o seu mundo
  • Dificuldade de concentração, raciocínio mais lento e esquecimento
  • Diminuição do desempenho sexual (pode até manter atividade sexual, mas sem a conotação prazerosa habitual) e da libido
  • Perda ou aumento do apetite e do peso
  • Insônia (dificuldade de conciliar o sono, múltiplos despertares ou sensação de sono muito superficial), despertar matinal precoce (geralmente duas horas antes do horário habitual) ou, menos frequentemente, aumento do sono (dorme demais e mesmo assim fica com sono a maior parte do tempo)
  • Dores e outros sintomas físicos não justificados por problemas médicos, como dores de barriga, má digestão, azia, diarreia, constipação, flatulência, tensão na nuca e nos ombros, dor de cabeça ou no corpo, sensação de corpo pesado ou de pressão no peito, entre outros.

 

Vale lembrar que geralmente a depressão é iniciada por algum fato muito estressante para o Asperger.

Esperamos que esse artigo ajude de alguma maneira pessoas que estejam com algum dos sintomas listados acima e que estas busquem ajuda o quanto antes.

« »