BREAKING NEWS

Como é quando o Asperger tem distúrbios alimentares?:

Foto: Reprodução

Neste artigo iremos falar um pouco sobre um dos problemas que podem afetar algumas crianças que tenha o Asperger ou ainda qualquer outro grau do Espectro Autista (TEA).

Existem muitos casos, nos quais crianças Aspergers possuem algum tipo de distúrbio alimentar que pode causar problemas gastrointestinais que são apresentados como problemas com dores de barriga frequente e ainda vomito constante.

Podem ainda existirem casos em que a criança simplesmente não se alimente e acabe ficando doente pela falta de nutrientes em seu corpo.

Muitos pais não entendem o motivo para que esse “problema” ocorra. E como já falamos por aqui a maioria dos casos do Asperger não são diagnosticados e assim a família da criança pode acabar “achando” que a criança não come apenas por “frescura” ou ainda porque tenha algum outro problema alimentar qualquer.

Crianças Aspergers apresentam problemas alimentares por diversos fatores, sendo estes os mais comuns apresentados abaixo:

  1. Problemas sensoriais causados pela inflexibilidade e rigidez: No qual o indivíduo acaba associando a alimentação a algo que possa estar lhe causando danos. Em outras palavras a criança pode acabar querendo se alimentar apenas com um tipo de alimento especifico e quando é “obrigada” a comer outro alimento. Acaba recusando, ou ainda passando mal ao se alimentar com determinado alimento.
  2. Problemas na comunicação: Pode ainda acontecer o fato da criança não se comunicar bem, nem mesmo com seus pais e assim acaba não se alimentando com algum alimento. Por não gostar da sua textura, cor, odor ou ainda outro aspecto qualquer.
  3. Problemas na mastigação por causa do tônus muscular na região do maxilar: Existem casos que a criança não consegue se alimentar por não ter a musculatura da região do maxilar bem desenvolvida. Isso acontece devido a falta de mastigação adequada que trabalha a musculatura desta região.
  4. Falta de apetite: Existem casos que a criança simplesmente não sente fome e com isso não vê necessidade de comer. Nestes casos os pais precisam ser criativos na hora da refeição.
  5. Gula: Ao contrario da inapetite, crianças consideradas “gulosas” no caso de terem o TEA, acabam desenvolvendo quase uma “obsessão” pela comida e somente deixam de ficar ansiosas, quando estão sendo alimentadas, podendo assim desenvolver problemas como a obesidade.

Essas crianças tendem a possuírem algumas “manias” como por exemplo: comer a comida somente se estiver muito quente, ou ainda muito fria. Gostar muito de frutas cítricas, sabores fortes, entre outras coisas.

O importante é a família descobrir qual é o gosto particular de seu pequeno pela alimentação e tentar explorar esse campo. Nos casos de não conseguirem encontrar nada que faça a criança se alimentar de forma eficiente um medico ou ainda nutricionista deve ser consultado.

Para que assim esse passe uma dieta para que a criança se alimente da melhor forma possível.

Ajude o livro “O ANTISSOCIAL” ser publicado. O livro narra a historia de um jovem nascido no futuro, quando o planeta Terra passou por uma grande catástrofe que fez a humanidade deixar a Terra para traz e seguir rumo a um novo destino. Esse jovem sofre por não conseguir fazer amigos dentro da sociedade que é parte e ainda por se sentir “estranho” por não conseguir se identificar com nenhuma outra pessoa a sua volta. Tudo isso começa a mudar, quando ele entra em hibernação e começa ter estranhas visões com o pai que deixou a nave, pouco antes de um desastre que fez o planeta Terra explodir acontecer. Faz com que ele embarque numa grande aventura que levaria esse mesmo jovem a passar ter que “buscar amigos” para seguir rumo a Vênus e assim ele viverá muitas aventuras e vai descobrir que nem era tão “estranho” como imaginava ser.

APOIE O ANTISSOCIAL:

http://catarse.me/livrooantissocial/

« »
0 Comments

    Fernanda Leal

    julho 4, 2017 at 12:45 pm

    Meu filho tem 5 anos é autista
    E achei bem interessante essa matéria pois identifiquei várias manias dele,ele é bem seletivo pra alimentos não é totalmente antissocial,porém prefere ter amizades com adultos a crianças
    Essse mundo deles é muito particular e a cada dia aprendo com ele,meu maior tesouro!.

      Fernando Bernardes

      julho 4, 2017 at 12:45 pm

      Legal seu relato. Geralmente autistas tem mais facilidade em se comunicar com pessoas mais velhas. Mas com o tempo vão passando a interagir mais com aqueles de sua idade. Desejo sorte a você e muita saúde a seu pequeno.

    Fabiana

    julho 4, 2017 at 12:45 pm

    Meu filho passa por isso, não come quase nada, sempre as mesmas coisas e tem dificuldades em experimentar coisas novas pq acaba tendo ânsia.

      Fernando Bernardes

      julho 4, 2017 at 12:45 pm

      Entendo a dificuldade. Mas aos poucos ele deve passar a aceitar mais alimentos. Digo isso, pois tive a experiência e sei que com o tempo ele vai mudando. Até isso acontecer tente ser criativa com os alimentos que ele já faz consumo. Tende introduzir algo novo aos poucos na dieta dele. Espero ter ajudado!.